SESSÃO ORDINÁRIA

Diretor do IMED esclarece dúvidas sobre funcionamento do Hospital do Centro Norte.
Foto: Valdimir Junior

Diretor do IMED esclarece dúvidas sobre funcionamento do Hospital do Centro Norte.

por Colibrigov publicado 2022/03/15 16:59:21 GMT-3, Última modificação 2022-03-15T16:59:21-03:00
Sessão legislativa também contou com balanço dos trabalhos da Emater e com a aprovação de importantes projetos de leis.

Durante a sessão ordinária realizada na noite de segunda-feira (14), pela Câmara Municipal de Uruaçu, atendendo ao convite do presidente do Legislativo, Francisco Carlos Carvalho (Chiquinho), o diretor-geral do Instituto de Medicina e Desenvolvimento (IMED), Getro de Oliveira Pádua usou a tribuna para falar do funcionamento do Hospital do Centro Norte (HCN) de Uruaçu. O diretor fez um balaço positivo dos 100 dias de funcionamento do hospital, falou dos avanços na unidade e destacou que esse é o único hospital do interior do Estado a fazer alguns procedimentos mais complexos, como, por exemplo, cirurgia de tórax por vídeo, realizada com sucesso na unidade.
Getro também falou da ala de oncologia, que atende a pacientes com câncer, recentemente inaugurada e anunciou para breve um setor de maternidade, exclusivo para casos de alto risco. O diretor ainda respondeu a perguntas de todos os vereadores e recebeu elogios pelos relevantes serviços prestados na área da Saúde, que beneficiam não apenas Uruaçu, mas todos os municípios da região Centro Norte Goiana.
O hospital também tem exercido forte influência na economia local, segundo o diretor do IMED, já que vem atraindo grande quantidade de profissionais da saúde, de diversos estados brasileiros. “Aqui temos médicos de São Paulo e de outros estados, que prestam seus valiosos serviços e ainda contribuem para o crescimento da economia local, gastando seu dinheiro no comércio local“, afirmou.
O presidente da Câmara Municipal, Francisco Carvalho agradeceu a presença do diretor do IMED e dos demais funcionários do hospital e disse que foi muito importante a presença dele e dos demais e todos os esclarecimentos prestados. “Foi realmente uma aula sobre o funcionamento do hospital e foi muito importante para nós vereadores, especialmente para nós que não somos ligados à base do governador porque tomamos conhecimento de como está o andamento do Hospital do Centro Norte. Realmente o hospital está indo muito bem e temos que parabenizar essa instituição que está à frente desse trabalho, levando mais atendimentos à população. Estou realmente muito feliz por receber esse grande administrador do hospital que veio aqui por livre e espontânea vontade, nos prestar todos esses esclarecimentos“, afirmou.
Também participou da sessão ordinária a superintendente da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária -EMATER - em Uruaçu, Milena Leão, que fez um balanço dos trabalhos da agência no município, destacando que o público-alvo da Emater é o agricultor familiar que não pode pagar por assistência técnica. “Também tivemos essa prestação de contas feita pela Milena, da Emater, que nos falou de tudo o que foi feito por eles em 2021. Realmente foi uma noite de muito trabalho“, completou Chiquinho.

Projetos colocados em votação durante a sessão

002/2022 considera de utilidade pública a Ordem dos Advogados do Brasil - Subseção Uruaçu - projeto aprovado em primeira votação;
003/2022 de autoria do Poder Executivo, que institui a Lei Ezecson Fernandes de Sá e dá outras providências - projeto aprovado em votação única, a pedido da vereadora Domingas Quilombola;
003/2022 de autoria dos vereadores Jhonatha Fernandes e Elói dos santos, que declara de utilidade pública Municipal a Associação do Rio Verde de Uruaçu - projeto aprovado em única votação a pedido do vereador Jhonatha.
004/2022 que altera e dá outra redação à Lei Municipal de 1.193/2002 e dá outras providências que autoriza os funcionários efetivos a fazerem empréstimos de até 35% da soma dos seus vencimentos - projeto aprovado em única votação à pedido da vereadora Domingas Quilombola.
001/2022 que altera o artigo 27 da Lei Orgânica do Município e dá outras providências, de autoria da Mesa Diretora da Câmara Municipal, que reduz para 30 dias o recesso do Legislativo - projeto aprovado em primeira votação.

cap.jpeg

Matéria: Sybelle Angela Moreira - Diretora de Comunicação e Imprensa

Voltar ao topo